Seguradora pode se recusar a pagar Tabela FIPE?

Veja em que situações a seguradora pode ou não se recusar a pagar a Tabela FIPE em caso de perda total!

Nossa visitante Marília nos enviou a seguinte pergunta:

“A seguradora pode se negar a pagar valor da tabela fipe mesmo quando o laudo diz que o carro deu PT?”

Veja nossa resposta:

Marília, bom dia!

Quando ocorre perda total o seguro paga indenização integral. A forma como será determinado qual o valor dessa indenização depende se você está acionando seu próprio seguro ou se você está entrando como terceiro no seguro de alguém que causou a colisão.

Se você é segurado e está acionando seu próprio seguro para indenizar seu próprio carro, o valor da indenização integral é estipulado no contrato (apólice) da seguinte forma:

  • Se houver sido contratado cobertura de valor referenciado, o segurado receberá o valor referente ao percentual contratado da Tabela FIPE. Neste caso a seguradora não pode se negar a pagar a Tabela FIPE, pois está determinado no contrato que ela deve usar a Tabela como referência.
  • Se houver sido contratado cobertura de valor determinado, o segurado receberá o valor fixo de cobertura escolhido no momento da contratação do seguro. Neste caso a seguradora pode se “recusar” a pagar o valor da Tabela FIPE, pois a cobertura escolhida pela segurado foi de valor determinado e não de valor referenciado.

Se você está entrando como terceiro no seguro de outra pessoa que causou a colisão, não existe cláusula contratual a qual determine que a seguradora deva necessariamente usar a Tabela FIPE como referência. Por isso, no caso de indenização integral de terceiros, a seguradora pode optar por um dos seguintes caminhos:

  • Pagar indenização integral ao terceiro com base no valor médio dado pela Tabela FIPE
  • Ou fazer uma pesquisa de mercado do valor médio de veículos equivalentes ao seu em sua região.

Em qualquer dos dois caminhos acima, se o terceiro não estiver de acordo com a proposta de valor feita pela seguradora, é possível tentar negociar. Nesses casos, recomendamos ao terceiro fazer uma pesquisa de preço de 03 veículos equivalentes ao dele e, com base nesta pesquisa, fazer uma contra-proposta à seguradora. É necessário buscar acordo entre as partes e, não sendo possível chegar a um senso comum, é recomendável solicitar instrução de um advogado ou das Pequenas Causas.

Espero ter ajudado! Estamos sempre a disposição.

Quando for renovar seu seguro, aproveite e peça uma cotação com a gente :)

Cotação Seguro Carro

Sobre Jessica

Formada em Ciências Econômicas (UNICAMP), com MBA Executivo em Trends Innovation (Inova Business School), atualmente faz extensão universitária em Direito e Economia (UNICAMP). É desenvolvedora da Muquirana Seguros Online, projeto inovador focado no atendimento humanizado por meio da internet. Atua como Gestora na DM4 Corretora de Seguros, associada do Grupo Exalt, maior grupo de corretores de Campinas e Região.
Adicionar aos favoritos o permalink.

30 Responses to Seguradora pode se recusar a pagar Tabela FIPE?

  1. Jorge diz:

    Olá por favor poderia me dizer.Oque acontece se a seguradora não cumprir o orazo de trinta dias pra terceiros?

    • Jessica diz:

      Jorge, boa tarde!

      Nossa recomendação neste caso é abrir reclamação no SAC e posteriormente na Ouvidoria, solicitando a correção dos juros pelo período de atraso.

      Lembrando que os 30 dias começam a conta da data de entrega de documentação pelo segurado e terceiro e fica suspenso sempre que a seguradora solicita novos documentos.

      Apoie nosso projeto e se inscreva em nosso canal no Youtube. Assista vídeo aqui: https://youtu.be/ZGa6xU12cJs

      Atenciosamente,

  2. Odair diz:

    Olá.. no caso a pessoa bateu no meu carro e é financiado como a seguradora deverá pagar?

  3. Juliana diz:

    Boa noite..bateram em meu carro e deu pt..a seguradora quer me dar o valor de 9.500..mais a tabela fipe do meu carro é 10.800.o que devo fazer??nao sou segurada sou terceiro

  4. juliana diz:

    olá sou terceiro em um acidente e a vistoria deu como indenização integral, pois ficou 68% do valor do carro só na funilaria, sem a parte mecânica, o seguro não quer me pagar o valor de tabela e nem perto do valor do carro, eles me ofereceram dez mil a menos do que a fipe e querem que eu pague o conserto e envie a nota para ser ressarcida, eu não tenho com pagar, e gostaria de ter o valor da fipe e repassar o carro para a seguradora, como proceder nesse caso?

    • Jessica diz:

      Juliana, boa tarde!

      Se os danos estão muito próximos de 75% do valor do carro, recomendamos contra-argumentar que não concorda com o reparo e deseja a perda total com indenização integral. Se os danos ficarem muito abaixo de 75%, em princípio é mais difícil a indenização integral e a seguradora cobrirá o reparo. Neste caso informe a seguradora que este caminho só é viável se a mesma cobrir o reparo pagando diretamente a oficina.

      Com relação a perda total, como a senhora está entrando como terceiro, não existe cláusula contratual que determine que a seguradora deva usar a tabela FIPE como referência para indenização integral. Neste caso é necessário negociar. Recomendamos levantar 03 orçamentos para fazer uma contra-proposta à seguradora e, mantendo-se uma proposta muito abaixo da média do mercado, solicitar à seguradora a referência utilizada por ela na proposta dela.

      Se não houver acordo tanto para o reparo quanto para a indenização integral, é recomendável consultar um advogado.

      Apoie nosso projeto e se inscreva em nosso canal no Youtube. Assista vídeo aqui: https://youtu.be/1idN0PYi0Kk

      Atenciosamente,

  5. Cibele Pigato diz:

    Olá… por favor poderia me tirar uma dúvida…. meu carro deu PT sou terceiro no sinistro, já assinei a carta aceite.
    O acidente foi dia 01/06 E hj praticamente um mês após ainda não sei nem como entregar o carro e nem qdo irei receber meu reembolso.
    Por lei… quanto tempo a segurada tem pra me pagar?
    Agradeço desde já, obrigada pela atenção.

Escreva sua dúvida! Pedimos apenas uma gentileza: procure ser breve, pois são muitas dúvidas todos os dias! :)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *