Segurança na internet: Google tornará senhas coisa do passado

Google planeja substituir senhas de internet por objetos como anéis

segurança na internet - google tornará senhas coisa do passadoQue jogue a primeira pedra quem nunca sofreu com uma senha de acesso! Com riscos cada vez maiores de invasão das contas (e-mail, Facebook etc.) os usuários devem criar senhas mais complexas para se proteger.  Ainda assim isso não garante (nem de longe) 100% de segurança de suas contas. Para responder a esse quadro, o Google planeja substituir senhas por mecanismos físicos de login, como cartões USB, smartphones e anéis.

Nós, muquiranas, agradecemos duplamente! Se por um lado um mecanismo como esse protegerá mais nossas contas, por outro, liberará espaço em nossas cabeças! Já não basta ter que lembrar de pagar conta de luz, de água, gasolina, ônibus, IPVA, IPTU, matrícula e material escolar etc… e quantos et cetaras! Ter que lembrar de senhas e mais senhas?! Cruz credo!

  • Senha: o elo fraco de todos os acessos   

A invasão de contas – de e-mail, Facebook, do banco etc. – são cada vez mais frequentes e não é à toa. Todas essas áreas de acesso tem uma coisa em comum: as senhas. Especialistas em segurança na internet como o vice presidente de segurança do Google, Eric Grosse, acreditam que as senhas são o elo fraco de todas essas contas. Independente do grau de dificuldade de sua senha, você está sujeito ao risco de invasão.

  • Mecanismos de segurança do Google: Soluções de ontem, hoje e amanhã

O Google acredita que senhas e tokens simples como cookies são insuficientes para proteção dos usuários. ‘Cookies’ são pequenos arquivos emitidos por sites aos navegadores que fazem com que, uma vez logados, os usuários permaneçam conectados ao serviço.

Uma primeira forma encontrada pelo Google para proteger seus usuários foi a introdução da opção de login em dois passos: Quem tem conta no Gmail (serviços de e-mail do Google) tem a opção de cadastrar o número de seu celular. Toda vez que o usuário esquece a senha ou tenta acessá-la de um novo computador, o Google envia uma mensagem de texto para o celular com um código que deverá ser informado para acessar a conta ou recuperar a senha.

Leia também: “Aplicativos de rastreamento e seguro contra roubo de celulares”

Apesar do login em dois passos proteger muito mais, ainda não garante proteção total. Por isso o Google, junto à empresa Mountain View, quer aposentar as senhas e inovar: quer tornar smartphones, cartões USB e até jóias pessoais em mecanismos de acesso mais simples e seguros.  Já estão sendo feitos teste com uma ferramenta chamada YubiKey.

Mesmo no caso de roubo desses objetos a proteção seria maior, pois você teria tempo de avisar sobre o furto. Diferente de quando quebram sua senha: no geral, você só descobre depois de já o terem prejudicado, apagando seus cadastros ou o difamando.

  • Se qualquer objeto pudesse ser sua senha… Qual seria o seu?

Fico imaginando… Quando esses mecanismos forem criados e disseminados, as bizarrices que as pessoas usarão! Certamente vão surgir quiosques especializados nos shoppings, quem duvida?

Eu usaria um brinco de porquinho, como boa muquirana que sou! Para fazer o login bastaria tirá-lo da orelha. Assim não correria o risco de perdê-lo, como acontece com tantas outras coisas… rs!

  • Algumas recomendações enquanto ainda não chegamos lá

Como ainda vai demorar um pouco para eu poder acessar meus e-mails com adornos de orelha, é melhor nos precavermos. Segue algumas dicas do que fazer e do que não fazer.

NÃO! EM HIPÓTESE ALGUMA! NÃO INSISTA!

– Não reaproveite a mesma senha para diferentes contas: se uma delas for descoberta, todas as outras também serão.

– Evite usar palavras do dicionário. Se tiver que ser, procure combiná-las em uma frase pouco usual.

– Não acredite que substituir “A” por “@” ou “i” por “1” o protegerá. As ferramentas de quebra de senha são mais inteligentes que isso.

– Não use senhas curtas, por mais estranhas ou bizarras que sejam. Mesmo algo como “b1z2@rr0” é mais fácil de quebrar. Use senhas longas!

SIM! FAÇA! NÃO PERCA MAIS TEMPO! 

– Recomendo a utilização do navegador Google Chrome, atualmente o mais seguro devido a todo esse trabalho do Google. Você pode baixá-lo aqui.

– Utilize o Gmail e habilite o login em dois passos.

– Crie lembretes de senha que somente você saberá a resposta, como “Nome do meu primeiro amigo imaginário”.

– Controle sua presença online: verifique em quais contas constam dados pessoais seus, e desabilite aqueles que puder.

– Crie um e-mail apenas para recuperação de senhas e logins e utilize apenas para este fim. Se o e-mail que você usa recorrentemente é o mesmo em que você recebe recuperações de senha e etc., o trabalho do invasor é bastante mais fácil.

– Crie senhas com erros gramaticais e senhas desconexas. A senha pode ser longuíssima, com 5 ou 6 palavras, e ainda assim não ser seguro. Estudos comprovam que senhas como “minhasenhaemuitodificil” são mais fáceis de quebrar por seguirem a lógica gramatical. Melhor seria algo como um mix entre o Cebolinha (Turma da Mônica) e o Mestre Yoda (Star Wars), “faloeladoporqueespeltosou” (rs!).

E você, alguma ideia criativa e engraçada? Compartilhe nos comentários – só não vale contar sua senha de verdade! rssss!

  • Proteja seus equipamentos: anti-vírus e seguro

Vale a pena lembrar que é sempre bom ter um anti-vírus atualizado na sua máquina pessoal. Para outros danos externos, como queda ou roubo, você pode contratar diretamente online um seguro de notebook, tablet ou smartphone.

Sobre Jessica

Formada em Ciências Econômicas (UNICAMP), com MBA Executivo em Trends Innovation (Inova Business School), atualmente faz extensão universitária em Direito e Economia (UNICAMP). É desenvolvedora da Muquirana Seguros Online, projeto inovador focado no atendimento humanizado por meio da internet. Atua como Gestora na DM4 Corretora de Seguros, associada do Grupo Exalt, maior grupo de corretores de Campinas e Região.
Adicionar aos favoritos o permalink.

2 Responses to Segurança na internet: Google tornará senhas coisa do passado

  1. Excelente Artigo!
    Parabéns pela bela definição e fechamento do assunto.
    Acho uma pena que uma grande minoria utilizam o recurso de proteção de duas etapas do google , pois esta já é uma grande proteção.
    eu aproveitaria da aliança, pois é algo que já está presente no meu dia a dia rsrs, fica mais fácil, não precisaria carregar nada a mais.

Escreva sua dúvida! Pedimos apenas uma gentileza: procure ser breve, pois são muitas dúvidas todos os dias! :)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *