Seguro de smartphone cobre danos por queda acidental?

Descubra se o seguro de smartphone cobre danos por queda acidental!

seguro de smartphone não cobre danos por queda acidental*Atenção à data da matéria. As regras desse seguro podem mudar com o tempo.*

Muitas pessoas procuram o seguro de smartphone pensando na proteção de seu aparelho contra danos por queda, esmagamento, e outras estabanadices que pessoas estabanadas como eu costumam fazer para (sem querer) se auto-sabotar rsrsrs… Neste artigo você descobrirá se o seguro de smartphone cobre ou não danos por queda acidental, como funciona e tudo o mais.

Leia também: “Tirar riscos e arranhões da tela de smartphones e tablets”

As regras de seguro sobre esse tipo de cobertura específica podem mudar com os anos, por isso ressalto a data em que este artigo está sendo escrito: 20/07/2013. Caso você esteja lendo isso num futuro mais longínquo, consulte-nos nos comentários para que possamos atualizar as informações! 

Seguro de smartphone cobre queda?

Para escrever este post estamos nos baseando no seguro de smartphone da seguradora Porto Seguro.

Para esse seguro a resposta é sim, cobra queda, desde que tenha sido uma queda decorrente de sinistro coberto na apólice. O que isso quer dizer?

Que tipos de queda o seguro COBRE?

O seguro de smartphone cobre danos por quedas decorrentes de situações cobertas nas outras cláusulas contratadas no seguro. Um pouco confuso né? Vamos explicar melhor…

Os danos decorrentes de outras cláusulas de cobertura contratadas são o seguinte: Ao fazer o seguro de smartphone o cliente contrata a cobertura básica (que cobre incêndio, raio, explosão e impacto de veículo) e pode optar também por coberturas contra roubo e danos elétricos. A cobertura contra quedas vale dentro das coberturas contratadas. Isso significa que o seguro cobrirá as quedas decorrentes dessas situações: incêndio, raio, explosão, roubo, impacto de veículos.

Leia também “Seguro para smartphone tem franquia?”

Alguns exemplos: se você está fugindo de um incêndio ou explosão e deixa o aparelho cair, há cobertura. Se você é assaltado e no ato do roubo você ou o ladrão derrubam o smartphone, há cobertura. Se você está dirigindo, sofre uma colisão com seu veículo e seu smartphone é danificado, há cobertura. E assim por diante. Ou seja, dentro das coberturas contratadas, as quedas estão cobertas.

Sobre Jessica

Formada em Ciências Econômicas (UNICAMP), com MBA Executivo em Trends Innovation (Inova Business School), atualmente faz extensão universitária em Direito e Economia (UNICAMP). É desenvolvedora da Muquirana Seguros Online, projeto inovador focado no atendimento humanizado por meio da internet. Atua como Gestora na DM4 Corretora de Seguros, associada do Grupo Exalt, maior grupo de corretores de Campinas e Região.
Adicionar aos favoritos o permalink.

Escreva sua dúvida! Pedimos apenas uma gentileza: procure ser breve, pois são muitas dúvidas todos os dias! :)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *