Seguro franquia perda parcial: como funciona?

Saiba como funciona a franquia do seguro de automóvel em caso de sinistro de perda parcial!

Quando ocorre um sinistro passível de conserto é comum o segurado não saber ao certo como funciona a franquia: ela sempre é cobrada? O valor pode variar? Existe desconto? Para quem e por quem ela é paga? No post de hoje responderemos essas questões. Se você está no meio de um processo de sinistro, são dicas importantíssimas. Se você está contratando seu seguro e nunca sofreu um sinistro de perda parcial, lendo essas informações você já terá um excelente noção de como funcionará num eventual sinistro.

Faça sua cotação de seguro de automóvel com a gente!

Cotação Seguro Carro - 2

O que é franquia no seguro de automóvel?

A franquia é a parte dos prejuízos que ficam a encargo do segurado. Ele pagará a franquia e a seguradora cobrirá a diferencia acima da franquia.

Por conta disso a franquia pode aparecer com nos contratos como “Participação Obrigatória do Segurado” ou a abreviação “P.O.S:.

Exemplo 1: o conserto de um veiculo segurado fica em15 mil reais. A franquia do seguro é de 2 mil reais. O segurado pagará 2 mil reais e a seguradora cobrirá a diferença de 15 – 2 = 13 mil reais.

Quando a franquia é cobrada?

A franquia é cobrada nos sinistros de perda parcial do próprio veículo segurado. Isso significa que quando o seguro é acionado para consertar o própriocarro segurado, a cobrança e franquia é obrigatória.

Se eventualmente o orçamento para conserto do veiculo segurado não atingir a franquia, o seguro não poderá ser acionado. Será necessário fazer o reparo particularmente e não por meio do seguro.a franquia é cobrada no momento da retirada do veiculo.

Como saber se foi perda parcial?

Já que a franquia é cobrada nos sinistros de perda parcial, é importante saber o critério que determina quando se configura perda parcial.

Quando um veiculo sofre danos, por exemplo em decorrencia de uma colisão ou recuperação de roubo, será feito um orçamento para reparo. Este orçamento deverá ser enviado para análise da seguradora. Tendo sido aprovado, se o orçamento representar menos de 75% do valor do carro, será considerado perda parcial passível de conserto mediante pagamento da franquia.

Se os danos forem superiores a 75% será considerado perda total, com indenização integral sem cobrança de franquia.

Exemplo 2: O orçamento do conserto de um carro ficou em 5.000 reais. O carro vale 50.000 reais na tabela FIPE. Dividindo 5.000 por 50.000 = 10%. Como 10% é menor que 75%, é considerado perda parcial. Agora suponha que a franquia do seguro é de 1.500 reais. Como foi perda parcial, o segurado pagará a franquia de 1.500 reais e a seguradora cobrirá a diferença de 5.000 – 1.500 = 3.500 reais.

Exemplo 3: Num outro caso, o orçamento da oficina ficou em 40.000 reais, para um carro que vale 50.000 reais na Tabela FIPE. Dividindo 40.000 por 50.000 = 80%. Como 80% é maior que 75%, é considerado perda total. Será paga indenização integral, sem cobrança de franquia.

Quando a franquia não é cobrada?

Não há cobrança nos sinistros de indenização integral, quais sejam: perda total (danos acima de 75%), roubo ou furto sem recuperação, incêndio ou explosão.

Também não há cobrança de franquia quando o veículo danificado é reparado por meio da cobertura de danos a terceiros do causador da colisão.

E se não for culpado, ainda assim pago franquia?

Nos casos em que o segurado é vítima na colisão, fica a dúvida: se acionar seu próprio seguro, terá que pagar a franquia mesmo sendo vítima? A resposta é sim, a franquia é obrigatória mesmo quando o segurado não é culpado pela colisão.

A vítima que precisou acionar seu próprio seguro pagando a franquia, poderá solicitar o ressarcimento deste prejuízo ao causador.

Maiores detalhes neste post: “Seguro cobra franquia se não for culpado?”

Para quem a franquia é paga?

Muitas pessoas acham que a franquia é paga à seguradora, mas não é. A franquia é paga diretamente à oficina onde será feito o serviço de reparo.

Por quem ela é paga

A franquia é paga pelo segurado. Caso segurado e proprietário do veículo sejam pessoas diferentes, eles podem fazer um acerto entre si sobre quem pagará a franquia.

Existe desconto e parcelamento

Quando o veículo é levado em oficina referenciada da seguradora, é comum haver desconto na franquia geralmente entre 10% à 25%. Verifique junto ao corretor responsável por sua apólice os benefícios nas oficinas referenciadas.

A possibilidade de parcelamento é dada pela próprio oficina, mas no geral trabalham com parcelamento em 02 ou 03 vezes.

Aproveite e faça sua cotação de seguro auto conosco!

Cotação Seguro Carro

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Jessica

Formada em Ciências Econômicas (UNICAMP) e MBA Executivo em Trends Innovation (Inova Business School). Atualmente faz especialização universitária em Law & Economics (UNICAMP), integrando também a Associação Brasileira de Direito e Economia (ABDE). É cofundadora da Muquirana Seguros Online, projeto inovador focado no atendimento humanizado e difusão gratuita de informações por meio da internet. Atua como diretora comercial na DM4 Corretora de Seguros e pesquisadora independente na área de seguros privados.

Estamos de volta! Envie sua pergunta e responderemos toda sexta-feira. E por favor retribua nossa ajuda compartilhando nossos canais com amigos e familiares! :D

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *