Tabela FIPE: o que é, para que serve e como funciona no seguro?

Saiba qual a importância da Tabela FIPE para a indenização de seu seguro

São recorrentes as dúvidas sobre como a Tabela FIPE influencia a indenização do seguro de automóvel. Por que na hora da indenização o preço do automóvel pode diferir daquele previsto quando o seguro foi contratado (para mais ou para menos, para o regojizo ou tristeza do legítimo muquirana)? O que é, afinal, essa bendita tabela?!

A Muquirana Seguros respondeu às dúvidas mais frequentes sobre o assunto. Confira e não deixe de nos enviar suas dúvidas e opiniões! =)

 O que é e para que serve a Tabela FIPE?

 A Tabela FIPE é uma tabela de referência para os preços médios dos veículos no mercado nacional. Seus dados são disponibilizados mensalmente após pesquisas de mercado da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE). 

Ela serve de referência para muitas coisas como, por exemplo, a base de cálculo na cobrança do IPVA. Para o seguro dos muquiranas, sua importância é gigantesca, porque é ela que as seguradoras usam como base para a determinação do valor do automóvel segurado.

Como a Tabela FIPE influencia a indenização do seguro de auto?

A maior confusão sobre a Tabela FIPE é sobre como ela influencia a indenização do seguro. Preste atenção, muquirana, porque isso é muito importante!

A indenização do seguro de automóvel é paga com referência no valor médio da Tabela FIPE (e não valor máximo, como alguns dizem por aí) do mês do pagamento da indenização, e não do mês em que o seguro foi contratado. Por isso o valor da indenização está sujeito a valorização ou desvalorização, conforme o valor de mercado do veículo.

Faça-já-cotação-do-seu-seguro-de-automóvel

Por exemplo: Contratei meu seguro em janeiro, e a Tabela FIPE dizia que meu veículo valia R$25.000,00. Em julho meu automóvel foi roubado e não foi encontrado, de modo que terei direito à indenização. O pagamento da indenização foi liberado no mesmo mês, em julho. Se no mês de julho a Tabela dizia que meu veículo vale R$26.000,00, receberei R$26.000,00 (e não R$25.000,00). Neste caso, saí ganhando por conta da valorização do automóvel. Mas o inverso também pode ocorrer (e é o mais comum).

Vale ainda ressaltar que a Tabela FIPE não considera opcionais do carro, então se seu carro possui rodas diferentes, som alternativo etc., não estarão cobertos na indenização integral a não ser que você contrate cláusula opcional de acessórios.

Outro detalhe: de olho na virada do mês!

Suponha que meu carro foi roubado no finzinho de julho, por isso recebi o pagamento da indenização em agosto. Receberei o valor da Tabela FIPE de agosto e não de julho, porque a indenização é feita com a Tabela do mês do pagamento, e não do acionamento do seguro.

 De 100% à 110% da Tabela FIPE: posso escolher?

No seguro de automóvel é possível contratar até 110% da Tabela Fipe, mas isso depende de diversas circunstâncias e as regras variam de seguradora para seguradora. Contratar mais do que 100% da Tabela FIPE significa que ao receber a indenização por seu automóvel num caso de perda total ou roubo, você receberá 100% + acréscimo escolhido.

Por exemplo, se contratei 105% da Tabela FIPE e meu veículo deu perda total, receberei 100% mais 5% do valor previsto na tabela.

Geralmente a contratação de mais que 100% da tabela é feita para veículos que tem equipamentos  e acessórios diferenciados em relação ao modelo básico de seu carro, ou por pessoas que desejam se precaver dos efeitos da depreciação e/ou desvalorização do modelo do carro.

Como consultar a Tabela FIPE?

Já que a Tabela FIPE é tão importante é fundamental saber como consultá-la. Pensando nisso preparamos este vídeo (clique para assistir) onde ensinamos passo a passo para ver o valor do seu carro na FIPE.

… Quanto detalhe, né camarada muquirana? Daí a importância do corretor de seguros! Não deixe de tirar todas suas dúvidas antes de contratar o seguro. A Muquirana Seguros acredita que transparência é a maior forma de respeito à você!

Faça já cotação do seu seguro de automóvel: clique abaixo ou nos contate!

fazer-pedido-de-cotação-de-seguro

atendimento@muquiranaseguros.com.br

(19) 3304 9920

Sobre Jessica

Formada em Ciências Econômicas pela UNICAMP, atualmente cursa MBA em Trends Innovation na Inova Business School. É desenvolvedora da Muquirana Seguros Online, um projeto inovador focado no atendimento humanizado e diferenciado. Atua como Gerente de Qualidade na Skill Seguros e dirige a Comissão de T.I. do Grupo Exalt, maior grupo de corretores de Campinas e Região.
Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.

69 Responses to Tabela FIPE: o que é, para que serve e como funciona no seguro?

  1. Leandro diz:

    Deu entrada no sinistro em maio, fui comunicado que teve perda total 16 de Junho, quando dei a entrada fui comunicado que receberia o valor de 25.660,00 da fipe, agora eles agendaram pra eu Rebecer dia 17 de agosto 24.760,00, isso pode acontecer?

    • Jessica diz:

      Leandro, bom dia!

      A Tabela de referência para o pagamento da indenização integral do seguro auto é sempre a Tabela FIPE do mês do pagamento (e não do sinistro). Explicamos melhor neste outro post, caso deseje dar uma olhada “Seguro paga qual mês da Tabela FIPE para perda total?”

      Nesse sentido, se sua indenização for paga em Agosto, será com base na Tabela de Agosto e não na de Junho.
      Para verificar se o valor está correto, você pode consultar o site da Tabela FIPE. Explicamos o passo a passo para fazer a consulta neste outro post.

      Quando for adquirir um novo veículo, faça as cotações de seguro conosco! Nossa consultadoras poderão lhe instruir sobre vários detalhes importantes e que fazem diferença sempre que o seguro precisa ser usado. Para pedir sua cotação clique aqui.

      Ficamos a disposição!

  2. Gabriel Neri diz:

    Boa Tarde !
    Meu carro foi roubado , abri o sinixtro e passei o recibo de compra e venda no valor 37.000 !!!!
    Ate o dia do pagamento o valor foi para 34.000 !!! E recebi 34 mil !
    Pode isso !!!????
    Mesmo eu tendo entregue o recibo assinado c valor 37 ???

    • Jessica diz:

      Gabriel, boa noite!

      Segundo as Condições Gerais do seguro de automóvel no caso de roubo sem recuperação do veículo é paga indenização integral. O valor dessa indenização é sempre um valor de mercado (e não necessariamente da nota fiscal) que deve ser referenciado numa tabela que conste especificada na apólice. A tabela mais usada é a Tabela FIPE do mês do pagamento.

      Caso haja desvalorização do veículo, não há cobertura do seguro pois o mesmo não cobre perdas financeiras, mas somente repõe o bem.

      Acreditamos que a indenização de 34.000 tenha por referência a Tabela FIPE. Recomendamos que verifique se além dos 100% da Tabela FIPE não foi contratado nenhum adicional (por exemplo 105% ou 110% da tabela fipe ou cobertura de despesas extras) pois pode ajudá-lo a compensar essa desvalorização.

      Quando for fazer o seguro do seu novo carro peça uma cotação conosco. Podemos explicar certinho todos esses pontos e orientá-lo sempre que ocorrer um sinistro.
      Para solicitar uma cotação clique aqui.

      Ficamos a disposição!

  3. jaqueline diz:

    ola gostaria de saber emtao o valor do meu carro eo valor da fipe do carro basico? sendo que paguei a mais por causa da direçao ar condicinado e outros acessorios? existe alguma forma ou procon para que eu possa recorer sobre o valor que eles pagarao sobre meu carro?

    • Jessica diz:

      Jaqueline, bom dia!

      Para saber o valor do seu carro na Tabela FIPE é necessário consultar o site da FIPE. Ensinamos a fazer esta consulta neste outro post: “Como consultar o site da Tabela FIPE?”.

      A Tabela FIPE não considera opcionais (para saber mais leia este outro post).
      Caso o ar condicionado e outros acessórios diferenciados não façam parte do modelo que consta na Tabela FIPE, sendo pagos a parte na concessionária, é necessário mencioná-los no momento da contratação do seguro. Há algumas formas de garantir cobertura para os mesmos: você pode contratar cobertura opcional de acessórios, mencionando cada acessório. Você pode contratar um percentual adicional da Tabela Fipe (por exemplo, 105% ou 110% ao invés de 100%). Você pode contratar cobertura de despesas extras.
      Com uma ou mais dessas coberturas opcionais você será capaz de compensar essa diferença do valor do seu carro em relação a Tabela FIPE sem opcionais.

      Peça sua cotação de seguro conosco: clique aqui!

      Ficamos a disposição!

  4. Pingback: Seguro de carro com isenção de IPI e ICMS | Muquirana Corretora de Seguros

  5. Regina diz:

    Gastaria de saber se o caculo da Fipe é feito de acordo com o ano de fabricação ou ano do modelo?

    • Jessica diz:

      Regina, bom dia!

      A Tabela FIPE trabalha com o ano do modelo do veículo.
      O mesmo vale para o seguro de automóvel, que indeniza com base na Tabela FIPE com ano do modelo, e não no ano de fabricação.

      Ficamos a disposição!

Escreva sua dúvida! Pedimos apenas uma gentileza: procure ser breve, pois são muitas dúvidas todos os dias! Todas dúvidas são respondidas. :)

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *