Tabela FIPE: o que é, para que serve e como funciona no seguro?

Saiba qual a importância da Tabela FIPE para a indenização de seu seguro

São recorrentes as dúvidas sobre como a Tabela FIPE influencia a indenização do seguro de automóvel. Por que na hora da indenização o preço do automóvel pode diferir daquele previsto quando o seguro foi contratado (para mais ou para menos, para o regojizo ou tristeza do legítimo muquirana)? O que é, afinal, essa bendita tabela?!

A Muquirana Seguros respondeu às dúvidas mais frequentes sobre o assunto. Confira e não deixe de nos enviar suas dúvidas e opiniões! =)

 O que é e para que serve a Tabela FIPE?

 A Tabela FIPE é uma tabela de referência para os preços médios dos veículos no mercado nacional. Seus dados são disponibilizados mensalmente após pesquisas de mercado da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE). 

Ela serve de referência para muitas coisas como, por exemplo, a base de cálculo na cobrança do IPVA. Para o seguro dos muquiranas, sua importância é gigantesca, porque é ela que as seguradoras usam como base para a determinação do valor do automóvel segurado.

Como a Tabela FIPE influencia a indenização do seguro de auto?

A maior confusão sobre a Tabela FIPE é sobre como ela influencia a indenização do seguro. Preste atenção, muquirana, porque isso é muito importante!

A indenização do seguro de automóvel é paga com referência no valor médio da Tabela FIPE (e não valor máximo, como alguns dizem por aí) do mês do pagamento da indenização, e não do mês em que o seguro foi contratado. Por isso o valor da indenização está sujeito a valorização ou desvalorização, conforme o valor de mercado do veículo.

Faça-já-cotação-do-seu-seguro-de-automóvel

Por exemplo: Contratei meu seguro em janeiro, e a Tabela FIPE dizia que meu veículo valia R$25.000,00. Em julho meu automóvel foi roubado e não foi encontrado, de modo que terei direito à indenização. O pagamento da indenização foi liberado no mesmo mês, em julho. Se no mês de julho a Tabela dizia que meu veículo vale R$26.000,00, receberei R$26.000,00 (e não R$25.000,00). Neste caso, saí ganhando por conta da valorização do automóvel. Mas o inverso também pode ocorrer (e é o mais comum).

Vale ainda ressaltar que a Tabela FIPE não considera opcionais do carro, então se seu carro possui rodas diferentes, som alternativo etc., não estarão cobertos na indenização integral a não ser que você contrate cláusula opcional de acessórios.

Outro detalhe: de olho na virada do mês!

Suponha que meu carro foi roubado no finzinho de julho, por isso recebi o pagamento da indenização em agosto. Receberei o valor da Tabela FIPE de agosto e não de julho, porque a indenização é feita com a Tabela do mês do pagamento, e não do acionamento do seguro.

 De 100% à 110% da Tabela FIPE: posso escolher?

No seguro de automóvel é possível contratar até 110% da Tabela Fipe, mas isso depende de diversas circunstâncias e as regras variam de seguradora para seguradora. Contratar mais do que 100% da Tabela FIPE significa que ao receber a indenização por seu automóvel num caso de perda total ou roubo, você receberá 100% + acréscimo escolhido.

Por exemplo, se contratei 105% da Tabela FIPE e meu veículo deu perda total, receberei 100% mais 5% do valor previsto na tabela.

Geralmente a contratação de mais que 100% da tabela é feita para veículos que tem equipamentos  e acessórios diferenciados em relação ao modelo básico de seu carro, ou por pessoas que desejam se precaver dos efeitos da depreciação e/ou desvalorização do modelo do carro.

Como consultar a Tabela FIPE?

Já que a Tabela FIPE é tão importante é fundamental saber como consultá-la. Pensando nisso preparamos este vídeo (clique para assistir) onde ensinamos passo a passo para ver o valor do seu carro na FIPE.

… Quanto detalhe, né camarada muquirana? Daí a importância do corretor de seguros! Não deixe de tirar todas suas dúvidas antes de contratar o seguro. A Muquirana Seguros acredita que transparência é a maior forma de respeito à você!

Faça já cotação do seu seguro de automóvel: clique abaixo ou nos contate!

fazer-pedido-de-cotação-de-seguro

atendimento@muquiranaseguros.com.br

(19) 3304 9920

Sobre Jessica

Formada em Ciências Econômicas pela UNICAMP, atualmente cursa MBA em Trends Innovation na Inova Business School. É desenvolvedora da Muquirana Seguros Online, um projeto inovador focado no atendimento humanizado e diferenciado. Atua como Gerente de Qualidade na Skill Seguros e dirige a Comissão de T.I. do Grupo Exalt, maior grupo de corretores de Campinas e Região.
Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.

58 Responses to Tabela FIPE: o que é, para que serve e como funciona no seguro?

  1. Giovana diz:

    Olá!
    Como funcionam as regras para indenização de terceiros? sofri um acidente em que deu perda total no meu carro e a seguradora da pessoa que causou o acidente quer dar uma indenização abaixo do valor da fipe.
    Obrigada!

    • Jessica diz:

      Giovana, bom dia!

      No caso de terceiros não existe cláusula no contrato do seguro que obrigue a seguradora a usar a Tabela FIPE como referência. Dependendo de cada seguradora, pode haver aquelas que utilizam a Tabela FIPE também para terceiros, assim como pode haver aquelas que utilizam outras tabelas (Molicar etc.) ou fazer uma pesquisa de mercado na região para ter um valor médio do modelo específico do carro, em estado de conservação equivalente ao do terceiro.

      No seu caso, provavelmente a seguradora está optando pelo segundo caminho. Recomendamos que questione à seguradora qual referência ela está utilizando e faça uma contra-proposta, apresentando o valor de 3 veículos equivalentes ao seu cujo valor esteja mais próximo da Tabela FIPE. Instruímos também que solicite auxílio do corretor de seguros do causador do acidente nesta intermediação.
      Não havendo acordo e a senhora julgando que o valor proposto pelo seguro de terceiros lhe deixará no prejuízo, será necessário tentar receber através de um processo jurídico ou nas pequenas causas. Para isto, recomendamos que antes procure a instrução de um advogado.

      Ficamos a disposição!

  2. keilyanne diz:

    Olá. Meu carro deu perda total após um capotamento. Na apólice do seguro o dano material é de 51mil. Isso significa que vou ter um valor de 51mil para pegar outro carro.? Obrigada.

    • Jessica diz:

      Keilyanne, boa tarde!

      O valor a ser indenizado é o percentual da Tabela FIPE contratado. Procure na sua apólice por este percentual, que deverá constar por exemplo como “valor de indenização integral”. No geral a maioria dos seguros são feitos com 100% da Tabela FIPE, mas em alguns casos pode ser que o segurado tenha contratado 105% ou 110% por exemplo.
      Uma vez identificado este percentual, basta consultar quanto vale seu carro pela Tabela FIPE atualmente. Ensinamos a fazer este consulta neste outro post: “Como consultar site da Tabela FIPE”.
      O seguro paga com base no valor da Tabela FIPE do mês do pagamento da indenização, e não do mês do sinistro ou do mês da contratação do seguro. Por isso é importante checar esse valor atualizado.

      Ficamos a disposição!

  3. edmo alves diz:

    Fiz meu seguro na totalben associação de seguros,o q aconteceu, quando fiz o seguro avisei q não tinha habilitação,eles não ligaram,fizeram meu seguro,paguei a adesão na hora e depois as parcelas todo mês em dia,bem peguei meu carro e na rua da minha mãe levei ele no lanterneiro bem perto pra remover uma moça do meu carro,quando peguei o carro pra guardar,passei mal e desmaiei no volante,bati em dois carros parados na calçada e meu carro virou,quase morri,os donos do carro também tinham seguros e.nem esquentaram,só quando chegou o bombeiro e a polícia,eles falaram q eu só não tinha habilitação, por causa do seguro deles consertarem o carro deles,então a minha seguradora disse q não vai pagar meu carro porque não tenho habilitaçao, mais quando fiz o seguro não me pediram nada disso é nem falaram nada,então como ia saber,quero o dinheiro do valor do meu carro na tabela fipe,eles podem me pagar,como faço para receber, fiquei 18 dias internado, sai agr pra resolver isso,como fazer?

    • Jessica diz:

      Edmo, bom dia!

      Nós não trabalhamos com associações de seguro. Trabalhamos somente com seguradoras regulares e regulamentadas pela SUSEP, por isso não temos como passar informações sobre o funcionamento de sua associação.

      No caso de seguradoras regulares, não há cobertura caso o condutor que dirige no momento do sinistro não esteja habilitado a dirigir. Essa norma consta nas Condições Gerais do seguro.
      Como dirigir sem habilitação é contra a lei, nenhuma seguradora ou corretora de seguros tem qualquer responsabilidade caso o segurado dirija sem possuir habilitação.

      Ficamos a disposição!

  4. edison diz:

    ola boa noite o ônibus bateu na trazeira do meu carro parado no sinal vermelho e deu perdas total qual é os meu direito so a tabela fipe,sendo que o a pericia da emplesa de ônibus disse que pagam 10% abaixo da tabela e exemplo se o valor é R9.504,00 O o valor é menos 10% e tem mais se o valor do salvado for 1,000,00 eles dão 8,504,00 e quando o ferro velho vim retira o carro eles paga os 1,000,00 voceis pode me ajuda

    • Jessica diz:

      Edison, bom dia!

      Desconhecemos esse tipo de procedimento por parte de qualquer seguradora com as quais trabalhamos.

      Primeiramente, recomendamos que verifique qual a seguradora da empresa de ônibus. Verifique se ela é regular. Para ser regular ela precisa estar cadastrada na SUSEP. Nós explicamos como fazer essa consulta neste outro post: “Consultar seguradora na SUSEP: Como fazer e qual a importância”.

      Se ela não for regular, então deve se tratar de cooperativa ou algum outro tipo de empresa que não está regulamentada. Se for este o caso, infelizmente não temos como passar maiores informações, pois trabalhamos somente com seguradoras regulares. Neste caso nossa recomendação é que busque um órgão de defesa do consumidor, além de pedir instrução e abrir uma reclamação na SUSEP. Em última instância será necessário abrir um processo contra a empresa e a empresa de ônibus para tentar receber na Justiça.

      Se a seguradora for regular, ela não pode proceder desta forma. No caso de terceiros, não há nenhuma cláusula que obrigue o seguro a usar a Tabela FIPE, podendo por exemplo fazer uma pesquisa de mercado. Porém, se a seguradora optar por usar a Tabela FIPE, ela não pode descontar esses 10% abaixo da Tabela sem justificativas. Ela também não pode pagar o valor do salvado posteriormente, pois a indenização integral deve ser paga a vista, mediante depósito em conta corrente ou cheque ao proprietário do veículo.

      Ficamos a disposição!

  5. Felipe diz:

    Boa tarde, tenho uma dúvida moro em Porto Alegre e aqui os veículos tem um valor maior ao da FIPE cerca de 10% devido a impostos estaduais. Minha dúvida e se acontece um sinistro tanto como PT ou Roubo, o seguro contratado e 100% FIPE agora vem a dúvida receberia 10% a mais devido estar no estado do Rio Grande do Sul?

    Obrigado.

    • Jessica diz:

      Felipe, bom dia!

      A Tabela FIPE utilizada pelos seguros divulga apenas as médias nacionais, e não as médias regionais. Por essa razão, nós desconhecemos seguros que pagam adicional de 10% em função de impostos diferenciados por região.
      É necessário verificar como consta na apólice do seu seguro, mas de nossa experiência achamos difícil haver alguma seguradora que pague essa diferença já que os contratos da grandíssima maioria são iguais em todas as regiões.

      Ficamos a disposição!

  6. Rafael diz:

    Boa tarde

    Sofri um acidente no dia 19 de dezembro 2014. Meu carro deu perda total. É um Focus GLX 2008.
    Meu seguro contratado é de 110% da Tabela Fipe.

    Minha duvida é:
    Vou receber a indenização do valor do carro com referencia da tabela fipe do mês de dezembro?
    Me pagaram o valor da indenização no dia 10/02/2015 com referencia da tabela fipe de fevereiro de 2015.

    Isto está correto??

    • Jessica diz:

      Rafael, bom dia!

      O valor da indenização do seguro é sempre baseado na Tabela FIPE do mês do pagamento e não do mês de ocorrência do sinistro.
      Se o sinistro ocorreu em dezembro mas a indenização foi liberada em fevereiro, então será utilizada a Tabela FIPE de fevereiro.

      Quando é constatado perda total do veículo a seguradora envia uma relação de documentos para liberação da indenização integral. Após a entrega dessa lista completa de documentos pelo segurado, a seguradora tem até 30 dias para fazer a indenização. Caso esse prazo não tenha sido respeitado, recomendamos que contate seu corretor de seguros e solicite para que encaminhe uma reclamação à seguradora.

      Ficamos a disposição!

  7. Wedson Goulart diz:

    Oi, Eu estou atrás de um livro muito comum, dentro do ambiente de seguradoras de morte. Possíveis Mortes, se poderem me dar dicas de como encontrar ficarei grato…

    _WJGoulart.

    • Jessica diz:

      Wedson, bom dia!

      Desculpe, não conheço livros deste gênero.
      Uma dica é buscar nos sites de livrarias como Saraiva e Cultura, filtrando por assunto como “seguro de vida”, “seguradoras” etc.

      Ficamos a disposição!

  8. Bernardo diz:

    Boa tarde, Jessica!

    De onde são tirados estes dados para formar a média?

    • Jessica diz:

      Bernardo, bom dia!

      Sua pergunta é muito importante!

      Os dados utilizados para calcular o valor médio da Tabela FIPE são dos carros anunciados em 24 estados da federação um mês antes da divulgação da Tabela. Para evitar grandes distorções, eles desconsideram os valores discrepantes, que estão muito acima ou muito abaixo do normal, que se referem a veículos modificados ou com estado de conservação ruim etc.

      A metodologia mais aprofundada é mostrada no site da Tabela FIPE (clique aqui para ver). Ali eles afirmam o seguinte:
      “De acordo com João Alves, o coordenador técnico da pesquisa, os valores são obtidos a partir de visitas em mais de 320 lojas de usados e concessionários autorizados, tradicionais feiras de veículos usados, principais jornais e revistas de todo o Brasil especializados em classificados de veículos e contatos por telefone em todo o país”

      As pesquisas de campo coletam cerca de 35 mil cotações. E além delas, as consultas eletrônicas somam mais de 90 mil cotações. Nesse sentido trata-se de uma amostra bastante significativa.

      Por coincidência estou escrevendo um novo post mostrando porque essa estatística pode ser “boa ou ruim” dependendo da situação. Quando terminar coloco o link aqui para o senhor ver o que acha.

      Ficamos a disposição!

  9. ivnna lacerda diz:

    ola
    minha prima teve o carro roubado. a indenização será integral. o veiculo eh um GOL ITREND 2014/2014. O valor pago foi 35990,00.
    a seguradora disse que de acordo com a tabela fipe o valor indenizado seria 28.556,00. esse valor esta correto?
    pq desvalorização tão elevada?

    • Jessica diz:

      Ivnna, boa tarde!

      Para podermos ajudar a verificar qual o valor do Gol de sua prima na Tabela FIPE eu precisaria do modelo completo do veículo, conforme consta no documento.

      Você também pode verificar o valor da indenização diretamente no site da Tabela FIPE. Nós explicamos como fazer esta consulta neste vídeo (clique para assistir) e neste post (clique para ler).

      Se o número que a seguradora passou para sua prima (R$28.556) for realmente aquele que consta na Tabela FIPE, então o carro dela terá sofrido cerca de 20% de desvalorização. Pela nossa experiência, as menores taxas de desvalorização geralmente ficam entre 6% e 10% ao ano. Enquanto que as maiores desvalorizações podem ficar entre 15% e 25% ao ano. Infelizmente o modelo do veículo de sua prima deve estar neste último grupo.

      Para se prevenir dessas desvalorização, o que nós geralmente recomendamos a nossos clientes é a contratação de 105% ou 110% da Tabela (depende de aceitação da seguradora) e/ou contratação da cobertura de despesas extras (que geralmente paga uma indenização a mais de até 2 mil reais – variando de seguradora para seguradora – em caso de perda total).

      Ficamos a disposição!
      Caso você ou sua prima precisem de um seguro de automóvel, estamos a disposição!

Escreva sua dúvida! Pedimos apenas uma gentileza: informe a data do vencimento do seu seguro e nos dê a chance de cotá-lo para você! Todas dúvidas são respondidas.

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>