Seguro é cancelado quando segurado falece?

Seguro é cancelado quando segurado falece?

Seguro estava vigente e pago quando segurado faleceu: e agora? Apólice continua ativa ou é cancelada? Descubra já aqui!

Nossa visitante Aline nos enviou a seguinte questão:

“Bom dia!

Quando uma apólice é paga e segurado falece, o que acontece com ela? É cancelada? Ou pode ocorrer de continuar ativa?

Obrigada”

No post de hoje responderemos essa dúvida tanto para o seguro de vida quanto para seguros de demais ramos como automóvel, residencial, etc.

Aproveite para cotar seu seguro de automóvel com a gente! :D

cotar-seguro-auto-2021

Seguro e Segurado Falecido

O seguro estava vigente e com parcelas em dias quando o titular do seguro (segurado) faleceu. Afinal, a apólice continua ativa ou é cancelada?

A resposta para essa dúvida depende do tipo de seguro: se for um seguro de vida, o procedimento é um; se for um seguro de outro ramo, o procedimento é outro. Vejamos como funciona em cada tipo.

Seguro de Vida

Quando o segurado de uma apólice de seguro de vida com cobertura para morte falece, os beneficiários recebem o capital segurado e a apólice é liquidada. Em outras palavras, o falecimento do segurado gera indenização e ao mesmo tempo o cancelamento da apólice.

Demais ramos

Em outros ramos, o funcionamento é totalmente diferente. É o caso de seguros como o de automóvel, residência, empresa, celular, entre outros seguros de danos.

A apólice permanecerá vigente (ou seja, não é cancelada), constando como “espólio”. Há dois pontos a serem observados nesses casos:

Transferência de titularidade

O segurado é o titular da apólice. Quando ele falece, na próxima renovação é de costume as seguradoras deixarem fazer a transferência de titularidade para cônjuge, pais ou filhos.

Solicite para o corretor da apólice verificar as regras de transferência de titularidade, assim você poderá colocar o seguro no nome de um novo titular.

No seguro de automóvel, por exemplo, essa transferência é facilitada quando o novo segurado já constava como principal condutor na apólice anterior.

Indenização vai para inventário

Como a apólice continua vigente normalmente, as garantias do seguro também continuam valendo. No caso de um sinistro com algum tipo de indenização ao segurado que faleceu, poderá ocorrer de este valor ir à inventário.

Isso é muito comum em seguros de automóvel: O segurado era também proprietário do veículo segurado, quando veio a falecer. Posteriormente, o veículo sofreu sinistro de perda total com indenização integral. Como o proprietário que constava no CRV havia falecido, a seguradora garantirá a indenização integral normalmente, porém o dinheiro ficará parado até a liberação do inventário.

Tratamos desse assunto neste outro post: “Proprietário do carro faleceu. Para quem vai indenização do seguro?”

Vale reforçar que isso vale para quando o bem segurado estava em nome do falecido. Se eventualmente o bem estava em nome de outra pessoa, viva no momento da indenização, a indenização não passa por inventário.


E você, já passou para situação de ter uma apólice em nome de um parente que faleceu? Como foi feita transferência?

Aproveite para cotar seu seguro de automóvel com a gente! :D

cotar-seguro-auto-2021

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Jessica

Economista (Unicamp) e Corretora (ENS), especialista em Direito e Economia (Unicamp), com MBA Executivo em Tendências de Inovação (Inova Business School),é desenvolvedora da Muquirana Seguros Online, Maior Tira-Dúvidas Gratuito sobre Seguros da Internet e Diretora na DM4 Corretora de Seguros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.