Comprei zero km e deu PT. Seguro paga valor de nota ou FIPE?

“Comprei meu carro zero km e deu PT dentro da garantia de zero km do seguro. A seguradora pagará o valor da nota fiscal ou da Tabela FIPE?”. Veja resposta aqui!

Recebemos uma dúvida de nossa visitante Helena. Como consideramos a pergunta importante para outros visitantes, fizemos um post especial para essa dúvida:

“Comprei um carro zero km, o valor do veículo na tabela Fipe é R$ 65.000,00 e o valor de compra nota fiscal R$77.000,00; no caso de uma perda total, ainda na garantia de zero Km contratada por 12 meses, qual será o valor da indenização, o de tabela Fipe ou pelo valor da nota fiscal?

Confira nossa resposta abaixo:

Helena, boa tarde!

Existem dois tipos de contratação de seguro: cobertura referenciada e cobertura determinada. Na cobertura referenciada é contratado um percentual da Tabela FIPE. Na cobertura determinada escolhido um valor fixo garantido ao longo de toda a vigência do seguro, mas que tem a contrapartida do encarecimento do seguro. A contratação da cobertura de valor determinado é pouco usual, sendo mais comum nos casos de veículos que não constam na Tabela FIPE (importados ou muitos novos).

Para que a indenização fosse feita com base no valor de nota fiscal seria necessário contratar o seguro com cobertura de valor determinado, especificando o valor de nota como valor fixo de cobertura.

Já na cobertura referenciada, mais comumente contratada, a tabela fipe utilizada como referência é aquela do mês em que é liberado o pagamento da indenização ao segurado. A grande diferença do carro zero km é que ele tem garantia zero km obrigatória por 90 dias, sendo opcional a contratação por 180 dias. Esta cobertura de garantia zero km não garante o pagamento do valor de nota fiscal, e sim o pagamento do modelo zero km pela Tabela FIPE caso ocorra perda total dentro do período de garantia.

Isso significa que no caso de perda total dentro da garantia zero km o seguro usará como referência o valor de novo, e não de um semi-novo, da Tabela FIPE. Abaixo você confere imagem sinalizando onde selecionar a opção zero km numa consulta na Tabela FIPE.

Comprei zero km e deu PT. Seguro paga valor de nota ou FIPE

Sem a garantia zero km, ao invés de tomar como referência de um zero km, seria usado um modelo semi-novo 2014/2015 por exemplo.

Esperamos ter ajudado e ficamos a disposição!

Peça sua cotação de seguro de automóvel conosco, clique aqui:
Cotação Seguro Carro

Sobre Jessica

Formada em Ciências Econômicas (UNICAMP), com MBA Executivo em Trends Innovation (Inova Business School), atualmente faz extensão universitária em Direito e Economia (UNICAMP). É desenvolvedora da Muquirana Seguros Online, projeto inovador focado no atendimento humanizado por meio da internet. Atua como Gestora na DM4 Corretora de Seguros, associada do Grupo Exalt, maior grupo de corretores de Campinas e Região.
Adicionar aos favoritos o permalink.

8 Responses to Comprei zero km e deu PT. Seguro paga valor de nota ou FIPE?

  1. Erica Ari diz:

    Um caminhão bateu na minha moto, deu perda total, porem o seguro do dono do caminhao qr pagar apenas 6mil, sendo que na tabela FIPE o valor da moto esta 7.500,00, isso esta errado? Como devo proceder?

  2. Nayara diz:

    E os adicionais do carro, como direção hidráulica, ar condicionado, cor mais cara já vindo de fábrica… A tabela fipe não especifica isso, o seguro paga essa diferença?

  3. PAULO diz:

    Prezados,

    Comprei um veículo no dia 19.07.2016 e o mesmo foi roubado no dia 06.09.2016. O valor da nota fiscal foi R$ 43.190. O seguro disse que o valor que tenho a receber é R$ 39.490, pois esse é o valor da tabela fipe.

    Um amigo disse que veículo roubados em até seis meses de sua aquisição, a seguradora é obrigada a pagar o valor da nota fiscal. Esse informação procede?

    Muito obrigado

    • Jessica diz:

      Paulo, boa noite!

      Se houver sido contratada cobertura de valor referenciado, a indenização é paga com base no percentual contratado da Tabela FIPE. A garantia zero km obrigatória segundo a SUSEP é de 90 dias, havendo opcional de 180 dias (algumas seguradoras oferecem esses 180 dias gratuitamente como benefício). Esta garantia prevê que será pago com base no valor de zero km da Tabela FIPE e não o valor de nota fiscal.
      Para receber o valor de nota seria necessário ter contratado outro tipo de cobertura, chamada de “valor determinado”.

      Apoie nosso projeto e se inscreva em nosso canal no Youtube. Assista vídeo aqui: https://www.youtube.com/watch?v=Un981axvGxg

      Atenciosamente,

  4. Anderson dos Santos diz:

    Bom dia!
    Troquei de automóvel, tão logo transferi o seguro para o novo veículo, porém ainda estava nos trâmites de transferência de propriedade e bati o carro, sem vitimas ou terceiros, foi avaliado e dará perca total do veículo. Como proceder?
    Tenho apenas o recibo assinado, datado e reconhecido em cartório.

    • Jessica diz:

      Anderson, boa tarde!

      Recomendamos avisar a seguradora de que o veículo estava em processo de transferência, que você possui o recibo assinado, porém que o documento ainda não foi transferido para seu nome. A seguradora lhe instruirá como proceder, instruindo se será necessário finalizar a transferência para depois liberar a indenização do seguro ou se é possível fazer uma carta do antigo proprietário autorizando o pagamento ao senhor.

      Como depende do procedimento de cada seguradora, ela poderá lhe instruir qual o procedimento padrão dela neste caso.

      Apoie nosso projeto e se inscreva em nosso canal no Youtube. Assista vídeo aqui: https://youtu.be/-yLWbYM48JM

      Atenciosamente,

Escreva sua dúvida! Pedimos apenas uma gentileza: procure ser breve, pois são muitas dúvidas todos os dias! :)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *