Franquia normal ou franquia reduzida: qual a melhor opção?

Confira dicas para saber qual a melhor opção para seu caso: franquia normal ou franquia reduzida?

Na hora de contratar o seguro de seu automóvel é muito importante escolher com cuidado as coberturas desejadas, e não só isso: é de extrema importância escolher a melhor franquia para seu caso. Confira algumas dicas simples que o ajudarão a escolher entre a franquia normal e a franquia reduzida, observando sempre o melhor custo-benefício.

Leia também: “3 vantagens pelas quais a franquia reduzida vale a pena”

Muquirana esperto sabe que para economizar de verdade não basta apenas olhar o preço. Por trás do preço há diversas variáveis que, se olhadas com atenção, poderão fazer valer o velho ditado “o barato pode sair caro”. No caso do seguro, a franquia é uma dessas variáveis. A escolha entre a franquia reduzida e a franquia normal varia de caso para caso, por isso antes de se apegar a uma “regra pronta”, o ideal é você avaliar alguns pontos.

Menor preço ou menor franquia?
Dicas para escolher a melhor franquia para seu caso

A franquia do seguro tem relação inversa com o preço do seguro. Ou seja: se a franquia cai, o preço aumenta. Se a franquia aumenta, o preço cai. Isso acontece porque a franquia é a participação obrigatória do segurado na reparação de seu veículo no caso de perda parcial. Se ele opta por diminuir essa participação, a seguradora procurará compensar aumentando o preço do seguro.

Leia também: “Franquia do seguro de automóvel: o que é quando não tenho que pagar?”

A franquia reduzida, como o próprio nome diz, é menor que a franquia normal. No geral ela encarece o preço do seguro, mas tem a contrapartida positiva de, caso você precise acionar o seguro (por exemplo, por causa de uma colisão) o gasto ser menor. A escolha entre a franquia normal e a franquia reduzida dependerá de como você avalia determinadas circunstâncias.

Como calcular o melhor custo benefício
Continhas simples para ajudar a ter um norte na escolha da franquia

A escolha entre a franquia normal ou reduzida cabe ao cliente, mas uma boa dica é avaliar o custo-benefício. Observe quanto, em porcentagem, a contratação da franquia reduzida fará subir o preço de seu seguro. Compare com o quanto caiu (também em porcentagem) a franquia. Se a queda da franquia for relativamente maior que o aumento do preço do seguro, então a franquia reduzida vale a pena financeiramente.

Um pouco confuso? Vamos fazer um exemplo para simplificar:

Suponha que a franquia normal do seguro de seu automóvel ficou em R$2.500,00 com um preço do seguro de R$2.600,00. A franquia reduzida ficou em R$2.000,00 com preço do seguro de R$3.000,00. Veja que a franquia reduzida é 20% menor que a franquia normal, enquanto o preço do seguro com franquia reduzida é 15,38% maior. Ou seja: você está pagando 15,38% a mais para ter uma franquia 20% menor. Você está pagando mais, mas proporcionalmente menos! Financeiramente, vale a pena contratar a franquia reduzida.

Faça-já-cotação-do-seu-seguro-de-automóvel

Franquia é sinal de largada do seguro
Para acionar o seguro é preciso atingir a franquia

Mas nem tudo são cálculos e números. É preciso pensar também em outros fatores, que às vezes são muito mais importantes que os números. É preciso pensar também no tamanho do risco.

Leia também: “Seguro para smartphone, notebook e tablet não tem franquia”

O primeiro detalhe a se pensar é que para você acionar o seguro em caso de perda parcial, é preciso que a reparação do veículo ultrapasse o valor da franquia. Se não atingir a franquia, o seguro não será acionado.

Por exemplo: Suponha que você bateu seu carro e a reparação dos danos ficou em R$3.000,00. Se sua franquia é de R$3.500,00 o seguro não será acionado e você terá que arcar com os custos sozinho. O mesmo vale para o caso de sua franquia ser de exatamente R$3.000,00. Agora, se sua franquia é menor que R$3.000,00, por exemplo R$1.500,00,
então o seguro será acionado. Nesse caso, você pagará a franquia e a seguradora a diferença - ou seja, você pagará os R$1.500,00 e a seguradora pagará os R$1.500,00 restantes.

É como se a franquia fosse o sinal de largada do seguro. Pensando assim, um primeiro ponto a se considerar ao escolher entre a franquia normal e a reduzida é quanto você está disposto a cobrir sozinho em caso de sinistro.

O motorista faz diferença
(para o bem e para o mal rs!)

Pensando que a franquia é o “sinal de largada” para acionar o seguro de automóvel, um segundo ponto a se considerar é o motorista do veículo segurado. (Tenho certeza que você pensou em algum amigo ou parente agora rs!!).

Se o condutor principal do veículo é mestre no volante, um Ayrton Senna reencarnado, ele está sujeito a riscos, mas menores do que alguém super bração e barbeiro. Se você se enquadra neste último grupo, não leve para o lado pessoal! rs! A questão é que pessoas menos experientes ao volante poderão precisar mais do seguro e, talvez seja o caso de contratar um franquia mais baixa.

Leia também: “Franquia do seguro de carro pode ser parcelada?”

Cá entre nós, é como se o tamanho da franquia medisse o tamanho da confiança na perícia do motorista. E, como filha que sou e barbeira que já fui (rs!), dou um conselho: Se seu filho ou filha tiraram a carta recentemente e você vai pagar o seguro, arrisque uma franquia mais baixa.

Os sagazes perguntarão…
Se tenho que pagar franquia, para quê contratar o seguro?

Depois disso tudo, tenho certeza que haverá quem dirá “Poxa.. Se tenho que pagar franquia, será mesmo que vale a pena contratar o seguro?!”.

É uma pergunta super válida. Para respondê-la, é preciso lembrar que o seguro cobre diversos riscos, além da perda parcial. Se você não tiver seguro e sofrer roubo ou perda total, terá o prejuízo integral do veículo, enquanto que se tivesse seguro, receberia esse valor. O seguro também cobre danos materiais e corporais à terceiros, caso você cause algum dano à outra pessoa no trânsito.

Leia também: “Danos a terceiros: proteção para além do automóvel”

Há ainda muitos outros benefícios, como cobertura de vidros e retrovisores, faróis e lanternas, entre outros. São proteções contra riscos tão evidentes quanto a perda parcial (por ex., uma colisão sem perda total) do veículo e que justificam a contratação do seguro a despeito da franquia.

Faça já cotação do seu seguro de automóvel: clique abaixo ou nos contate!

fazer-pedido-de-cotação-de-seguro

atendimento@muquiranaseguros.com.br

(19) 3304 9920

Sobre Jessica

Formada em Ciências Econômicas pela UNICAMP, atualmente cursa MBA em Trends Innovation na Inova Business School. É desenvolvedora do projeto Muquirana Seguros Online onde trabalha nas áreas de SEO e criação de conteúdo. Atua como Gerente de Qualidade na Skill Seguros e compõe a Comissão de T.I. do Grupo Exalt, maior grupo de corretores de Campinas e Região.
Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.

24 Responses to Franquia normal ou franquia reduzida: qual a melhor opção?

  1. Pingback: Seguro automóvel roubo: quais as melhores opções e preços? | Muquirana Corretora de Seguros

  2. Pingback: Perda total tem franquia? | Muquirana Corretora de Seguros

  3. Sandra Cruz de Souza Benevides diz:

    Olá Jessica, pedi uma cotação no seu site, fiz uma cotação no BB e os valores são os seguintes: valor da franquia normal R$ 3.000,00 com o valor do seguro em R$ 2.313,39 e no valor da franquia reduzida é de R$ 1.500,00 e o valor do seguro é R$ 2.564.93, qual é o mais vantajoso? Desde já, agradeço, Sandra.

    • Jessica diz:

      Sandra, bom dia!

      Estávamos com problema no nosso servidor por isso recebemos seu pedido somente hoje.
      Nosso departamento de vendas já está fazendo seus cálculos e deverá entrar em contato hoje pela manhã para ajudá-la a analisar essas opções de preço, além de apresentar outras opções bastante interessantes.

      Em caso de dúvidas ou solicitações, basta responder o e-mail que enviamos.
      Estamos a disposição!

Escreva sua dúvida! Pedimos apenas uma gentileza: informe a data do vencimento do seu seguro e nos dê a chance de cotá-lo para você! Todas dúvidas são respondidas.

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>