Seguradora pode se recusar a pagar Tabela FIPE?

Veja em que situações a seguradora pode ou não se recusar a pagar a Tabela FIPE em caso de perda total!

Nossa visitante Marília nos enviou a seguinte pergunta:

“A seguradora pode se negar a pagar valor da tabela fipe mesmo quando o laudo diz que o carro deu PT?”

Veja nossa resposta:

Marília, bom dia!

Quando ocorre perda total o seguro paga indenização integral. A forma como será determinado qual o valor dessa indenização depende se você está acionando seu próprio seguro ou se você está entrando como terceiro no seguro de alguém que causou a colisão.

Se você é segurado e está acionando seu próprio seguro para indenizar seu próprio carro, o valor da indenização integral é estipulado no contrato (apólice) da seguinte forma:

  • Se houver sido contratado cobertura de valor referenciado, o segurado receberá o valor referente ao percentual contratado da Tabela FIPE. Neste caso a seguradora não pode se negar a pagar a Tabela FIPE, pois está determinado no contrato que ela deve usar a Tabela como referência.
  • Se houver sido contratado cobertura de valor determinado, o segurado receberá o valor fixo de cobertura escolhido no momento da contratação do seguro. Neste caso a seguradora pode se “recusar” a pagar o valor da Tabela FIPE, pois a cobertura escolhida pela segurado foi de valor determinado e não de valor referenciado.

Se você está entrando como terceiro no seguro de outra pessoa que causou a colisão, não existe cláusula contratual a qual determine que a seguradora deva necessariamente usar a Tabela FIPE como referência. Por isso, no caso de indenização integral de terceiros, a seguradora pode optar por um dos seguintes caminhos:

  • Pagar indenização integral ao terceiro com base no valor médio dado pela Tabela FIPE
  • Ou fazer uma pesquisa de mercado do valor médio de veículos equivalentes ao seu em sua região.

Em qualquer dos dois caminhos acima, se o terceiro não estiver de acordo com a proposta de valor feita pela seguradora, é possível tentar negociar. Nesses casos, recomendamos ao terceiro fazer uma pesquisa de preço de 03 veículos equivalentes ao dele e, com base nesta pesquisa, fazer uma contra-proposta à seguradora. É necessário buscar acordo entre as partes e, não sendo possível chegar a um senso comum, é recomendável solicitar instrução de um advogado ou das Pequenas Causas.

Espero ter ajudado! Estamos sempre a disposição.

Quando for renovar seu seguro, aproveite e peça uma cotação com a gente :)

Cotação Seguro Carro

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Jessica

Economista (Unicamp), especialista em Direito e Economia (Unicamp), com MBA Executivo em Tendências de Inovação (Inova Business School), atualmente cursa Programa Avançado em Data Science e Decisão (Insper). É desenvolvedora da Muquirana Seguros Online, Maior Tira-Dúvidas Gratuito sobre Seguros da Internet e da Youcons, plataforma inteligente de consórcios; Diretora comercial na DM4 Corretora de Seguros; Professora na extensão universitária em Direito e Economia da UNICAMP.

36 respostas para Seguradora pode se recusar a pagar Tabela FIPE?

  1. Luciano diz:

    Olá bom dia eu fiz o seguro de cooperativa pago o valor de 100% da tabela FIPE e agora que meu carro foi Furtado o seguro identificou que é de leilão e só quer me pagar 70% do valor do carro Isso é correto mesmo eu tendo pago as parcelas no valor de 100%??

  2. mario ponciano diz:

    oi, um caminhão bateu na traseira com meu veiculo em 24/03/2018 e o segurado só acionou o seguro em 20/06/2018 hoje dia 31/07/2018 o seguro ainda não me pagou nem libera o conserto do meu carro e mais agora quer um acordo pra que eu tire o processo que estou movendo por danos morais , mais dizem que não tem valores nem prazo para me pagar tanto o carro quanto o acordo.

    • Jessica diz:

      Olá Mário, tudo bom? :)

      Nossa, o causador demorou um baita tempo para acionar o seguro de terceiros!

      Como está sendo movido processo contra o causador e seguradora, recomendamos que consulte o advogado da causa para saber se esse processo pode influenciar a tratativa do processo de sinistro para reparo do seu carro. Como atuamos na área técnica de seguro e seu caso tem parte na esfera judicial, não sabemos dizer se existe influência ou qual o melhor procedimento para não prejudicar sua ação judicial e/ou seu sinistro. O advogado da causa é o mais indicado a lhe orientar para não prejudicar nenhum dos dois processos.

      Aproveite e se inscreva em nosso canal no Youtube: https://www.youtube.com/muquiranaseguros
      Abraços!

  3. antonio diz:

    BOM DIA. meu caminhão tem seguro e bateu esse dias e deu perca total o valo da tabela fipe dele e de 183,000 mil e a asseguradora so esta querendo paga 123,000 , a diferença e muito grande oque eu posso fazer ou recorre

    • Jessica diz:

      Olá Antonio, tudo bom? :)

      Recomendamos primeiramente solicitar ajuda do corretor de sua apólice para entender o motivo de a seguradora não pagar o valor da FIPE. Verifique qual foi o percentual de cobertura contratado (se 100%, 90%, 80% etc. da Tabela FIPE) e solicite para que mostrem como base em qual cláusula estão pagando valor inferior. Se não houver justificativa e manterem a proposta inferior a FIPE, recomendamos buscar as Pequenas Causas ou um advogado.

      Lembrando que essas informações valem se o senhor estiver acionando seu próprio seguro. Se estiver entrando como terceiro no seguro de outra pessoa, recomendamos a leitura deste outro post: “Indenização do seguro pode ser diferente da Tabela FIPE?”

      Apoie nosso trabalho e se inscreva em nosso canal no Youtube! Assista aqui: https://youtu.be/FgJL6lQBmyA

      Saudações muquiranas!

  4. Jorge diz:

    Olá por favor poderia me dizer.Oque acontece se a seguradora não cumprir o orazo de trinta dias pra terceiros?

    • Jessica diz:

      Jorge, boa tarde!

      Nossa recomendação neste caso é abrir reclamação no SAC e posteriormente na Ouvidoria, solicitando a correção dos juros pelo período de atraso.

      Lembrando que os 30 dias começam a conta da data de entrega de documentação pelo segurado e terceiro e fica suspenso sempre que a seguradora solicita novos documentos.

      Apoie nosso projeto e se inscreva em nosso canal no Youtube. Assista vídeo aqui: https://youtu.be/ZGa6xU12cJs

      Atenciosamente,

  5. Odair diz:

    Olá.. no caso a pessoa bateu no meu carro e é financiado como a seguradora deverá pagar?

  6. Juliana diz:

    Boa noite..bateram em meu carro e deu pt..a seguradora quer me dar o valor de 9.500..mais a tabela fipe do meu carro é 10.800.o que devo fazer??nao sou segurada sou terceiro

  7. juliana diz:

    olá sou terceiro em um acidente e a vistoria deu como indenização integral, pois ficou 68% do valor do carro só na funilaria, sem a parte mecânica, o seguro não quer me pagar o valor de tabela e nem perto do valor do carro, eles me ofereceram dez mil a menos do que a fipe e querem que eu pague o conserto e envie a nota para ser ressarcida, eu não tenho com pagar, e gostaria de ter o valor da fipe e repassar o carro para a seguradora, como proceder nesse caso?

    • Jessica diz:

      Juliana, boa tarde!

      Se os danos estão muito próximos de 75% do valor do carro, recomendamos contra-argumentar que não concorda com o reparo e deseja a perda total com indenização integral. Se os danos ficarem muito abaixo de 75%, em princípio é mais difícil a indenização integral e a seguradora cobrirá o reparo. Neste caso informe a seguradora que este caminho só é viável se a mesma cobrir o reparo pagando diretamente a oficina.

      Com relação a perda total, como a senhora está entrando como terceiro, não existe cláusula contratual que determine que a seguradora deva usar a tabela FIPE como referência para indenização integral. Neste caso é necessário negociar. Recomendamos levantar 03 orçamentos para fazer uma contra-proposta à seguradora e, mantendo-se uma proposta muito abaixo da média do mercado, solicitar à seguradora a referência utilizada por ela na proposta dela.

      Se não houver acordo tanto para o reparo quanto para a indenização integral, é recomendável consultar um advogado.

      Apoie nosso projeto e se inscreva em nosso canal no Youtube. Assista vídeo aqui: https://youtu.be/1idN0PYi0Kk

      Atenciosamente,

  8. Cibele Pigato diz:

    Olá… por favor poderia me tirar uma dúvida…. meu carro deu PT sou terceiro no sinistro, já assinei a carta aceite.
    O acidente foi dia 01/06 E hj praticamente um mês após ainda não sei nem como entregar o carro e nem qdo irei receber meu reembolso.
    Por lei… quanto tempo a segurada tem pra me pagar?
    Agradeço desde já, obrigada pela atenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *